“Geração perdida”…

… foi o adjetivo usado para definir jovens americanos do início do século XX que serviram na Primeira Guerra Mundial. Cunhado pelo mecânico da poetisa Gertrude Stein e difundido pelo escritor Ernest Hemingway – que integrava a geração perdida – , o termo traduz  a falta de perspectiva daqueles que foram expatriados depois da guerra e passaram a viver errantes pela Europa.

Além de Hemingway, fazem parte da geração perdida outras figuras importantes: Scott Fitzgerald e Willian Faulkner, dois dos grandes escritores do século passado; Babe Ruth, considerado um dos maiores jogadores de Baseball de todos os tempos; o ator Humphrey Bogart, eleito a maior estrela masculina do cinema estadunidense; Al Capone, sabidamente um dos gangsters mais poderosos do país e Alfred Hitchcock, mestre dos filmes de suspense.

Hoje a geração é a Y, e os ídolos também mudaram. Com a pirataria, a industria que produz arte de consumo instantâneo se viu obrigada a mudar a fonte de lucro, antes tirado da venda de álbuns. O investimento mais seguro é nas “personalidades” das estrelas da música, essas sim inatingíveis e “incopiáveis”.

Para isso não é preciso ser um músico talentoso, nem um frontman no palco; basta cativar os jovens com um rostinho bonito, roupas da moda e bons produtores para garantir que o artista não vá a decepcionar a audiência. Uns flagras dos paparazzi do astro pegando uma ex-BBB e alguma aparições nos programas da TV aberta de domingo e pronto, o circo está armado. Felipe Dylon, Luan Santana, Reestart, Fresno, Kelly Key e Latino são só alguns dos artistas que simplesmente se esqueceram de fazer arte.

E aí, qual será a geração perdida?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s